Os sensores de vento mais RESISTENTES do mundo

para o clima mais rigoroso do mundo

SAIBA MAIS

Os sensores de vento mais RESISTENTES do mundo

para o clima mais rigoroso do mundo

SAIBA MAIS

Sensores de vento ultrassônicos para medição da velocidade, direção e temperatura do vento

LEIA NOSSOS ESTUDOS DE CASO

Sensores de vento ultrassônicos para medição da velocidade, direção e temperatura do vento

FT742-DM ultrasonic wind sensor

Os sensores de vento mais resistentes do mundo

Série FT7

A série FT7 de sensores de vento ultrassônicos oferece dados de velocidade e direção do vento altamente precisos e consistentes a partir de sensores compactos. Sem peças móveis, com aquecedores embutidos e resistência a uma variedade de fatores ambientais, os sensores da série FT7 dispensam manutenção e duram anos, mesmo nos climas mais difíceis.

EXPLORE A SÉRIE FT7

Sensores de vento leves para drones

FT205 leve

O FT205 oferece alto desempenho em um pacote leve. Fabricado com um composto de grafite e nylon, e pesando apenas 100g (3,5 oz), esse sensor foi especificamente projetado para utilização em drones e veículos aéreos não tripulados (VANT).

DESCUBRA O FT205
FT742-DM ultrasonic wind sensor

Os sensores de vento mais resistentes do mundo

Série FT7

A série FT7 de sensores de vento ultrassônicos oferece dados de velocidade e direção do vento altamente precisos e consistentes a partir de sensores compactos. Sem peças móveis, com aquecedores embutidos e resistência a uma variedade de fatores ambientais, os sensores da série FT7 dispensam manutenção e duram anos, mesmo nos climas mais difíceis.

EXPLORE A SÉRIE FT7

Lightweight wind sensors for drones

FT205 leve

O FT205 oferece alto desempenho em um pacote leve. Fabricado com um composto de grafite e nylon, e pesando apenas 100g (3,5 oz), esse sensor foi especificamente projetado para utilização em drones e veículos aéreos não tripulados (VANT).

DESCUBRA O FT205

A tecnologia Acu-Res® é o que nos torna únicos

Usado pelos principais fabricantes de turbinas eólicas do mundo

Both on and offshore worldwide

SAIBA MAIS

Usado pelos principais fabricantes de turbinas eólicas do mundo

Tanto onshore quanto offshore em todo o mundo

SAIBA MAIS

Tested to the extreme

Os sensores de vento da FT Technologies passaram por 28 testes independentes, incluindo corrosão, areia, poeira, granizo, vibração, queda e proteção contra raios. Durante os testes, os sensores FT são expostos a um mês de chuva na Amazônia durante uma hora, derrubados repetidamente no concreto, levados da Antártica ao calor saariano, submersos em água, sujeitados a 8000 volts e expostos a pulverização de sal corrosivo.

Corrosao
Chuva
Areia y poeira
Granizo
Gelo
Altitude
Vibracao
Queda
IP66 & IP67
Funcionamento
Radiacao
SAIBA MAIS

Tested to the extreme

Os sensores de vento da FT Technologies passaram por 28 testes independentes, incluindo corrosão, areia, poeira, granizo, vibração, queda e proteção contra raios. Durante os testes, os sensores FT são expostos a um mês de chuva na Amazônia durante uma hora, derrubados repetidamente no concreto, levados da Antártica ao calor saariano, submersos em água, sujeitados a 8000 volts e expostos a pulverização de sal corrosivo.

SAIBA MAIS

O FT205, montado em nosso drone, funcionou perfeitamente em situações reais de incêndios. Os dados produzidos se provaram criticamente importantes para os serviços de emergência, pois eles puderam prever a propagação do incêndio durante a noite.”

Javier Prada Delgado
Dronetools SL

Leia o estudo de caso

Após ouvir sobre o desempenho confiável do sensor da FT e de segurá-lo em minhas mãos e sentir a diferença de peso e tamanho, me convenci! O tempo pode nos enviar qualquer coisa agora. Mudar para o sensor da FT possibilitou manter essas turbinas em funcionamento até mesmo em nossas condições mais frias do inverno.”

Guy Le Blanc
Parque eólico de Minnesota

Leia o estudo de caso

O sensor de vento da FT foi o único que sobreviveu – os outros dois sensores de vento ultrassônicos ficaram tão danificados que pararam de funcionar completamente. O sensor FT, no entanto, permaneceu livre de formação de gelo e continuou fornecendo as medições, e esse foi um dos piores eventos de formação de gelo que já vimos no observatório.”

Cesar Lopez
Sieltec Canarias

Leia o estudo de caso